Chloé Calmon é a única brasileira na briga pelo título do Noosa Longboard Open

O Noosa Longboard Open foi novamente transferido para outro pico, desta vez para Castaways, em Sunshine Beach. Em ondas de meio a 1 metro de face, foram definidos os integrantes das quartas de final das duas categorias. Dos quatro brasileiros ainda no evento apenas Chloé Calmon sobreviveu às batalhas. Já Phil Rajzman, Rodrigo Sphaier e Atalanta Batista deram adeus à etapa de abertura do Mundial de Longboard.

Phil foi o primeiro a entrar na água e caiu diante do su atual campeão mundial o sul-africano Steve Sawyer. A disputa foi equilibrada e o brasileiro levou a virada na última onda, com Sawyer obtendo 6.27 para bater o adversário por 11.27 a 10.00.  Rodrigo Sphaier foi eliminado pelo norte-americano Tony Silvagni na penúltima bateria das oitavas.

No feminino, Atalanta Batista não se deu bem diante da australiana Emily Lethbridge e perdeu por 10.40 a 7.20 pontos. Em seguida, Chloé Calmon manteve o Brasil vivo na prova ao derrotar a australiana Tully White pelo placar de 11.27 a 7.50.

Nas quartas, a brasileira desafia a havaiana Kirra Seale, que despachou a atual campeã mundial Soleil Errico. O Noosa Longboard Open é transmitido ao vivo pelo site da WSL. A próxima chamada acontece neste sábado (9), às 17 horas (de Brasília).

Quartas de final

Masculino

1. Nic Jones x Taylor Jensen (EUA)
2. Josh Constable (AUS) x Steve Sawyer (AFR)
3. Kaniela Stewart (HAV) x Harrison Roach (AUS)
4. Tony Silvagni (EUA) x Justin Quintal (EUA)

Feminino

1. Tory Gilkerson (EUA) x Emily Lethbridge (AUS)
2. Chloé Calmon (BRA) x Kirra Seale (HAV)
3. Rachael Tilly (EUA) x Minami Koyama (JAP)
4. Alice Lemoigne (FRA) x Honolua Blomfield (HAV)

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões