Mundial de Bodyboarding Itacoatiara Pro 2018 começa neste sábado

Pelo sétimo ano consecutivo, Niterói (RJ) será a casa brasileira do Circuito Mundial de Bodyboarding. Com previsão de mais 200 atletas de diversos países, o Itacoatiara Pro 2018 tem início programado para este sábado (16). Com 11 dias de período, o Mundial precisa de apenas quatro dias para ser finalizado, o que dá a organização a possibilidade de promover as disputas nas melhores condições do mar, e a expectativa é de que as primeiras baterias aconteçam neste sábado.

E mesmo antes de começar, o Itacoatiara Pro já está marcando história. Pela primeira vez desde que foi idealizado, o evento será disputado em dois momentos, com as disputas do Mundial e do Circuito Brasileiro, que ocorre entre os dias 28 de junho e 1º de julho. No total, são esperados mais de 200 competidores. “Mais uma vez o Itacoatiara Pro faz história. Esperamos mais de duas centenas de competidores de diversos países e estados da Federação em duas semanas de muito esporte, turismo e lazer. Com certeza será a maior edição do evento”, ressalta José Guilherme Azevedo, Presidente da Neltur.

No total serão distribuídos R$ 135 mil em premiação ao longo dos eventos, além de pontos importantes nos rankings mundial e brasileiro. Válido como etapa Grand Slam Series do APB World Championship, o Itacoatiara Pro faz parte de um seleto grupo de eventos premium com pontuação maior e formato diferenciado.

Os trinta e dois atletas são divididos em oito baterias com quatro competidores cada, sendo que todos caem três vezes na água, em baterias alternadas. A soma das três melhores ondas de cada atleta, independente da bateria, será válida para classificar os 16 melhores para o round 4. A partir da quarta fase, os atletas se enfrentam em baterias no formato homem a homem até a definição da final que apontará o campeão do evento.

Brasileiros em busca do primeiro título

Entre os brasileiros escalados estão Uri Valadão (BA), Eder Luciano (SC), Roberto Bruno (CE) e Dudu Pedra (RJ), membros dos tops-24, e João Zik (RJ) e Sócrates Santana (RJ), convidados do evento. Além disso, o país pode contar com mais atletas no evento principal, já que a triagem indicará mais seis atletas para a fase mais importante da competição.

Entre os estrangeiros, destaque para os que já venceram em Itacoatiara. Amaury Laverrne (Ilhas Reunião), campeão em 2013 e 2015, Jared Houston (África do Sul), vencedor da etapa em 2014, Alex Uranga (País Basco), detentor do caneco de 2016, e Diego Cabrera (Ilhas Canárias), atual campeão, são alguns dos favoritos. Além deles, a lista de “gringos” é composta ainda pelo atual campeão mundial Iain Campbell (África do Sul) e pelo líder do ranking mundial, Tanner McDaniel (Havaí), que mostrou toda sua versatilidade no último fim de semana ao vencer a etapa de Arica com uma bateria perfeita de 20 pontos na decisão contra o francês Pierre Louis Costes.

Campeões do Itacoatiara Pro

2012 Dave Winchester (Austrália)
2013 Amaury Laverhne (Ilhas Reunião)
2014 Jared Houston (África do Sul)
2015 Amaury Laverhne (Ilhas Reunião) e Tanner McDaniel (Havaí – Pro Junior)
2016 Alex Uranga (País Basco), Isabela Sousa (Brasil) e Diego Gomes (Brasil – Pro Junior)
2017 Diego Cabreara (Ilhas Canárias), Ayaka Suzuki (Japão) e Nelson Flores (Chile – Pro Junior)

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões