Surfista britânico é morto por crocodilo no Sri Lanka

Na última quinta-feira, um surfista britânico de 25 anos foi morto por um crocodilo depois de ingressar na floresta nos arredores de Elephant Rock, popular pico de surfe do Sri Lanka. A vítima foi identificada como Paul McClean, jornalista do renomado Financial Times. McClean estava de férias com amigos quando a tragédia aconteceu em uma lagoa perto de Arugam Bay, de acordo com o jornal The Telegraph.

“Ele estava aprendendo a surfar e decidiu ir ao banheiro”, relata Fawas Lafeer, dono de uma escolinha de surfe no local. “Ele adentrou na selva, por cerca de 900 metros, e estava lavando as mãos quando o crocodilo o pegou”.

Já o tabloide The Sun noticiou que McClean estava hospedado no East Beach Surf e surfava com um grupo organizado pelo hotel. Testemunhas afirmaram que viram a vítima acenando com as mãos desesperadamente, pedindo ajuda antes de ser arrastado para a água.

O Sri Lanka, ilha localizada ao sudeste da Índia, conta com uma população de milhares de crocodilos. Nos últimos três anos, foram relatados três ataques fatais no país.

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões