Ariane Gomes conquista a 2ª etapa do CBSurf Pro Tour

O segundo dia do Maresia Apresenta: CBSurf Pro Tour 2ª Etapa começou eletrizante com a Categoria Feminino definindo os nomes das finalistas.

Ariane abriu os trabalhos On Fire e venceu mais uma vez com as notas das suas duas primeiras ondas surfadas na bateria. Yanca confirmou o favoritismo e a ponta do campeonato, já que, independente do resultado da final, ela já sairia da Taíba como a líder do circuito. As cariocas Taís Almeida e Karol Ribeiro finalizaram a competição na 5ª e 7ª colocações, respectivamente.


Na segunda bateria das semifinais Feminino a catarinense Tainá Hinckel e a carioca Júlia Duarte garantiram as vagas restantes para a grande final. Juliana dos Santos (CE) e a paulista Isabela Saldanha despediram-se da competição na 5ª e 7ª colocações, respectivamente.

FINAL FEMININO

A bateria mais importante para a Categoria Feminino, a grande final, iniciou eletrizante, com Yanca e Tainá revezando a liderança. Ariane optou por se distanciar das demais competidoras e esperar uma boa onda para abrir a bateria. E assim que a onda veio ela mostrou porque é considerada um dos maiores talentos do surfe feminino surgido no Ceará nos último anos. Com um estilo polido, finalizações seguras e muita radicalidade, Ariane tomou de assalto a liderança da catarinense para mantê-la até o término da bateria, levando a torcida local à loucura nas areias da Praia da Taibinha.


Tainá até tentou reagir, mas não conseguiu superar as melhores notas da cearense que compete pela primeira vez no Circuito Brasileiro de Surfe Profissional e de quebra, assumiu a vice-liderança do circuito, já que na 1ª Etapa ela terminou na 21ª colocação.


Yanca, apesar de não ter vencido, também comemorou o resultado, pois, confirmou a liderança do circuito totalizando 1.590 pontos nas duas etapas, enquanto Ariane soma 1.380 pontos.

“Estou muito emocionada. Há duas semanas eu completei 19 anos e sentia que Deus de alguma forma iria me presentear. No Cearense eu fiquei em vice, mas aqui eu estava determinada a vencer. Estou tão feliz que não sei nem o que falar além de muito obrigado meu Deus!”, declarou a campeã.

De fato, Ariane construiu a vitória sobre uma estratégia bem definida. Ela se manteve ativa a bateria inteira, procurando as melhores ondas e se desvencilhando de qualquer possibilidade de marcação para poder apresentar o seu melhor surfe. Deu certo e a estreante que ficou conhecida como a “Matadora de Gigantes” presenteou a todos que testemunharam sua vitória com a rara oportunidade de assistir ao nascimento de uma estrela.

Agora todas as atenções voltam para a definição do campeão no masculino em Taíba. Já as meninas voltam para a 3a Etapa do CBSurf Tour que rola em Salvador, na Bahia, entre os dias 18 e 20 de dezembro onde teremos a definição dos campeões nacionais de Surf Profissional.

RESULTADOS
1 – Ariane Gomes – R$ 12.000
2 – Tainá Hinckel – R$ 6.000
3 – Yanca Costa – R$ 4.000
4 – Júlia Duarte – R$ 3.000

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões