WSL anuncia três etapas da competição especial de aéreos nesta temporada

O Red Bull Airborne – competição especial de aéreos da WSL – terá três etapas em 2019: Gold Coast, Keramas e Hossegor, todas junto com os eventos do CT. Nesta quinta-feira a parceria entre a Red Bull e a World Surf League foi anunciada com contrato até 2021.

“Depois do sucesso do Red Bull Airborne na França em 2018, estamos animados para lançar o Red Bull Airborne Series neste ano. Além disso, por meio dessa parceria, a Red Bull será ativada com propriedades exclusivas no CT e Big Wave Tour, engajando consumidores e atletas. Trabalhar de perto com uma marca tão inovadora nos ajudará a elevar e promover o esporte”,  disse Sophie Goldschmidt, CEO da WSL.

No ano passado, o brasileiro Yago Dora levou a melhor na estreia do evento durante a etapa do CT na França. Nesta temporada, serão novamente 18 convidados por etapa, entre Tops da elite mundial e especialistas em aéreos.

Regulamento

Na primeira fase serão seis baterias de 30 minutos, com seis surfistas em cada disputa. Cada surfista participa de duas baterias e os seis melhores avançam à final.

Os aéreos são as únicas manobras computadas e apenas as duas melhores manobras de cada surfista são contabilizadas no ranking geral. O melhor aéreo tem pontuação dobrada.

Calendário do Red Bull Airborne 2019

Red Bull Airborne Gold Coast: Abril 3 – 9, 2019
Red Bull Airborne Keramas: Maio 13 – 19, 2019
Red Bull Airborne Hossegor: Outubro 3 – 9, 2019

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões