Ezekiel Lau conquista o título e Jesse Mendes é vice-campeão do Vans World Cup

Em ondas desafiadoras de 12-15 pés,  o havaiano Ezekiel Lau ficou com o título da Vans World Cup e o brasileiro Jessé Mendes foi o vice-campeão em Sunset Beach, coroando a bela campanha que o levou a garantir a permanência na elite mundial e também a liderança do ranking da tradicional Tríplice Coroa Havaiana. Completando a final, o francês Joan Duru terminou em terceiro, seguido pelo californiano Griffin Colapinto.

“Isso é tudo que eu sempre quis. Poder me apresentar em casa, na frente da minha torcida e ganhar em Sunset mais uma vez, é incrível. É por isso que gosto tanto de competir em casa, para todos que sempre me apoiam em tudo que faço. Fico feliz em poder retribuir isso hoje. Eu procurei apenas manter o foco quando cheguei na final e estou feliz por ter vencido, pois tenho trabalhado muito duro para isso”, disse o campeão.

A batalha final pelas vagas que restavam no G-10 do QS foi intensa no último dia em Sunset Beach. A disputa acontecia a cada bateria, até na grande final, com o francês Joan Duru precisando ficar entre os dois primeiros colocados para tirar o último lugar do australiano Jack Freestone na lista. Só que não entraram muitas ondas boas na bateria decisiva e a nota 5,30 de Jessé Mendes na última que surfou, foi suficiente para pegar o vice-campeonato do francês por 7,63 a 7,33 pontos das duas ondas computadas por cada um. Ezekiel Lau surfou as melhores para vencer por 12,66 pontos, enquanto o norte-americano Griffin Colapinto não achou nada e terminou em quarto lugar com 4,67 apenas.

“Foi um grande dia e estou feliz como ele está terminando. Eu só tenho que agradecer a Deus, porque na minha primeira bateria hoje (quinta-feira) aqui, eu passei um sufoco e me livrei por pouco. Se não fosse Deus parar o oceano, eu não estaria aqui agora e, provavelmente, nem mesmo qualificado para o CT, então obrigado à Ele, que fez tudo ser possível para mim. E obrigado também a todos que estão sempre comigo, acreditando em mim e no meu trabalho, estou muito feliz por permanecer na elite ano que vem””, disse Jessé Mendes.

EMOCIONANTE

Um dos momentos mais emocionantes da quinta-feira em Sunset Beach foi protagonizado pelo potiguar Jadson André. Matematicamente, ele já estava garantido no CT quando entrou no mar para disputar as quartas de final. Isso porque Jack Freestone tinha sido eliminado na bateria anterior e não poderia mais ultrapassa-lo no ranking. Mas, Jadson não sabia disso e foi guerreiro mais uma vez, mostrando muita raça na onda que pegou nos últimos segundos.

Ele arriscou tudo porque estava em último, precisando de uma nota acima de 7 pra se classificar, então manobrou forte e ficou no inside aguardando a nota, que demorou para sair. Os juízes premiaram sua apresentação com 8,10 e Jadson saltou do quarto para o primeiro lugar, deixando o francês Joan Duru em segundo, eliminando o italiano Leonardo Fioravanti e o sul-africano Matthew McGillivray. Ele vibrou bastante dentro d´água ainda, não pela classificação para o CT que ainda não sabia, mas pela passagem para as semifinais.

“Eu só tenho a falar que Deus é o Deus do impossível. Eu precisava de uma onda excelente ali no final, faltando poucos segundos, e eu só pedi a Deus, que faz as coisas impossíveis acontecer, que me mandasse uma onda por favor. Ele mandou e eu consegui virar a bateria. Estou tentando controlar minha emoção, porque eu quero muito fazer a final aqui, mas essa bateria foi muito importante pra mim, então obrigado a todos pela energia, pela torcida e ainda vou tentar sair daqui com um troféu”,  disse Jadson André.

Também estão confirmados pelo QS os atletas Seth Moniz, Ryan Callinan, Deivid Silva, Peterson Crisanto, Ricardo Christie, Leo Fioravanti e Soli Bailey. Último no G-10, o australiano Jack Freestone tem grande chance de retornar à elite mundial, mas ainda depende de Griffin Colapinto no Pipe Masters. Griffin, que está entre os 10 no QS e também entre os 22 no CT, só precisará da vaga no QS se a zebra tomar conta do Pipe Masters.

 

 

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões