Weslley Dantas garante o título do Maresia Paulista de Surf Profissional

Campeão mundial júnior, campeão sul-americano pro-júnior, Weslley Dantas vai colocando o seu nome de vez na história do surf brasileiro. Neste domingo (8), o surfista de Ubatuba garantiu o título do Maresia Paulista de Surf Profissional, o mais tradicional circuito realizado no País. Entrou para a seleta galeria dos melhores do Estado, sendo o 34º surfista a erguer a taça, assim como o seu irmão mais velho, Wiggolly Dantas já havia feito em 2014, antes de passar a competir no WCT.

Como prêmio, faturou uma moto 0k oferecida pela Surf Trip, Kyw e Super Tubes e mais R$ 1 mil extras, da Overboard. A 3ª e decisiva etapa do Maresia foi disputada na Praia de Maresias, em São Sebastião, e teve como grande vencedor Thiago Camarão, campeão paulista em 2015 e que já havia vencido a etapa inicial deste ano, em Ubatuba. Com uma apresentação impecável, somando 19 pontos, de 20 possíveis, incluindo uma nota dez unânime (a única do evento), ele embolsou R$ 8 mil, de um total de R$ 30 mil.

O título foi comemorado ainda nas oitavas-de-final, quando Weslley avançou para as quartas e não poderia ser mais alcançado no ranking. Mesmo assim, ele seguiu surfando muito até a final, para terminar em quarto lugar, sendo o único a chegar nas decisões das três etapas de 2017 – foi o terceiro na abertura, na Praia de Itamambuca e o vencedor na Praia Grande, ambas em Ubatuba.

“É meu primeiro título paulista, não tenho muitos anos de profissional e estou muito feliz, principalmente porque meu irmão também já foi campeão”, vibrou o atleta de 18 anos. “Vi muita gente sendo campeão, o Hizu (Hizunomê Bettero), o Saulinho (Saulo Júnior), o Renato Galvão, que eu sempre admirei no surf de Ubatuba. E hoje é a minha vez. Consegui! Graças a Deus, com muito foco, muita determinação. Muito obrigado Senhor por essa conquista”, agradeceu.


RANKING FINAL APÓS 3 ETAPAS:

1 Weslley Dantas (Ubatuba) – 2.400

2 Thiago Camarão (São Sebastião) – 2.000

3 Geovani Ferreira (Ubatuba) – 1.710

3 Wesley Leite (Ubatuba) – 1.710

5 Tales Araújo (Ubatuba) – 1.630

6 Edgard Groggia (Guarujá) – 1.505

7 Luciano Brulher (Caraguatatuba) – 1.410

8 Emerson Santos (Ubatuba) – 1.360

9 Caetano Vargas (SC) – 1.330

10 Tamae Bettero (Ubatuba) – 1.325

11 Nathan Kawani (Guarujá) – 1.320

12 Renato Galvão (Ubatuba) – 1.290

13 José Francisco (PB) 1.275

14 Thiago Guimarães (Peruíbe) – 1.235

15 Renan Pulga (São Sebastião) – 1.210

16 Gustavo Ribeiro (Itanhaém) – 1.140

 

RESULTADOS, PREMIAÇÃO E PONTUAÇÕES DA 2ª ETAPA:

1 Thiago Camarão (São Sebastião/SP) – R$ 8 mil/ 1.000 pontos no paulista – 3.000 pontos no brasileiro

2 Deivid Silva (Guarujá/SP) – R$ 5 mil/ 860 pontos no paulista – 2.580 pontos no brasileiro

3 Victor Bernardo (Guarujá/SP) – R$ 3,2 mil/ 730 pontos no paulista – 2.190 pontos no brasileiro

4 Weslley Dantas (Ubatuba/SP) – R$ 2,6 mil/ 670 pontos no paulista – 2.010 pontos no brasileiro

5 Renato Galvão (Ubatuba/SP) – R$ 1,6 mil/ 610 pontos no paulista – 1.830 pontos no brasileiro

5 Caetano Vargas (Itapoá/SC) – R$ 1,6 mil/ 610 pontos no paulista – 1.830 pontos no brasileiro

7 Samuel Pupo (São Sebastião/SP) – R$ 1,2 mil/ 555 pontos no paulista – 1.666 pontos no brasileiro

7 Tamae Bettero (Ubatuba/SP) – R$ 1,2 mil/ 555 pontos no paulista – 1.666 pontos no brasileiro

9 Gustavo Ribeiro (Itanhaém/SP) – R$ 800,00/ 500 pontos no paulista – 1.500 pontos no brasileiro

9 Edgard Groggia (Guarujá/SP) – R$ 800,00/ 500 pontos no paulista – 1.500 pontos no brasileiro

9 Douglas Silva (Ipojuca/PE) – R$ 800,00/ 500 pontos no paulista – 1.500 pontos no brasileiro

9 Tales Araújo (Ubatuba/SP) – R$ 800,00/ 500 pontos no paulista – 1.500 pontos no brasileiro

13 Bruno Galini (Ilhéus/BA) – R$ 600,00/ 450 pontos no paulista – 1.350 pontos no brasileiro

13 Renan Pulga (São Sebastião/SP) – R$ 600,00/ 450 pontos no paulista – 1.350 pontos no brasileiro

13 Ayrton Dilan (Búzios/RJ) – R$ 600,00/ 450 pontos no paulista – 1.350 pontos no brasileiro

13 Jihad Kohdr (Matinhos/PR) – R$ 600,00/ 450 pontos no paulista – 1.350 pontos no brasileiro

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões