Silvana Lima estreia batendo recordes no Roxy Pro France

A brasileira Silvana Lima foi um dos destaques do primeiro dia na etapa francesa do World Surf League Championship Tour. O início do Quiksilver Pro France foi adiado e só as meninas competiram no sábado de ondas de 3-4 pés na praia La Graviere, em Hossegor. A cearense estreou na terceira bateria e fez os recordes da primeira fase – nota 8,93 e 16,26 pontos – na surpreendente vitória sobre a número 1 do Jeep WSL Leader, Sally Fitzgibbons. A australiana passou pela repescagem e as duas vão voltar a se enfrentar na batalha pela terceira vaga direta para as quartas de final do Roxy Pro France, com a australiana Keely Andrew completando esta segunda bateria da terceira fase.

Silvana começou muito bem na França, pegando uma direita que abriu uma parede limpa para ela desferir uma série de batidas e rasgadas com bastante força, sem perder velocidade na combinação das manobras executadas nos pontos mais críticos da onda. A cearense recebeu nota 8,93 e quando Sally Fitzgibbons respondeu com um 6,33, Silvana surfou outra onda boa que valeu 7,33 para fazer o maior placar da primeira fase, 16,26 pontos.

“Foi muito bom começar com essa onda boa, o que me deixou muito mais confiante para o restante da bateria”, disse Silvana Lima. “Estou feliz por ter feito outra onda boa também e eu adoro competir aqui na França. Hoje (sábado) temos ondas limpas, muito boas e já estou com outras pranchas maiores para pegar grandes tubos quando o swell (ondulação) chegar”.

A australiana Sally Fitzgibbons depois passou pela repescagem, despachando a mesma norte-americana Caroline Marks que completou a bateria dela e de Silvana Lima na primeira fase. Dessa vez, a número 1 do Jeep WSL Leader conseguiu mostrar o seu surfe para ganhar notas 8,60 e 7,10 e vencer fácil a convidada do Roxy Pro France por 15,70 a 9,53 pontos. Esse duelo aconteceu logo após a havaiana Carissa Moore bater todos os recordes do dia, ao totalizar incríveis 18,17 pontos de 20 possíveis com notas 9,00 e 9,17 contra a francesa Pauline Ado.


PRIMEIRA FASE CLASSIFICATÓRIA DO ROXY PRO FRANCE – Vitória=Terceira Fase:

1.a: 1-Johanne Defay (FRA)=11.87, 2-Malia Manuel (HAV)=10.67, 3-Nikki Van Dijk (AUS)=9.90

2.a: 1-Lakey Peterson (EUA)=15.16, 2-Pauline Ado (FRA)=11.13, 3-Sage Erickson (EUA)=8.87

3.a: 1-Silvana Lima (BRA)=16.26, 2-Sally Fitzgibbons (AUS)-11.06, 3-Caroline Marks (EUA)=5.76

4.a: 1-Courtney Conlogue (EUA)=14.20, 2-Keely Andrew (AUS)=12.00, 3-Bianca Buitendag (AFR)=8.74

5.a: 1-Tyler Wright (AUS)=13.74, 2-Tatiana Weston-Webb (HAV)=12.20, 3-Bronte Macaulay (AUS)=11.73

6.a: 1-Stephanie Gilmore (AUS)=15.60, 2-Carissa Moore (HAV)=15.47, 3-Coco Ho (HAV)=10.50

SEGUNDA FASE – Vitória=Terceira Fase e Derrota=13.o lugar com 1.750 pontos e US$ 10.000:

1.a: Malia Manuel (HAV) 15.54 x 15.37 Tatiana Weston-Webb (HAV)

2.a: Carissa Moore (HAV) 18.17 x 10.96 Pauline Ado (FRA)

3.a: Sally Fitzgibbons (AUS) 15.70 x 9.53 Caroline Marks (EUA)

4.a: Bianca Buitendag (AFR) 12.10 x 11.20 Sage Erickson (EUA)

5.a: Bronte Macaulay (AUS) 11.30 x 9.53 Nikki Van Dijk (AUS)

6.a: Keely Andrew (AUS) 11.44 X 11.30 Coco Ho (HAV)

TERCEIRA FASE CLASSIFICATÓRIA – Vitória=Quartas de Final / 2.a e 3.a=Quarta Fase:

1.a: Stephanie Gilmore (AUS), Carissa Moore (HAV), Bianca Buitendag (AFR)

2.a: Sally Fitzgibbons (AUS), Keely Andrew (AUS), Silvana Lima (BRA)

3.a: Courtney Conlogue (EUA), Lakey Peterson (EUA), Malia Manuel (HAV)

4.a: Tyler Wright (AUS), Johanne Defay (FRA), Bronte Macaulay (AUS)

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões