Show de tubos no QS1500 Maui and Sons Arica Pro Tour em El Gringo

As ondas subiram na terça-feira e o mar ficou clássico em El Gringo, com tubos incríveis de 8-10 pés para fechar a primeira fase do QS 1500 Maui and Sons Arica Pro Tour no Chile. As condições ficaram ainda mais desafiadoras para os competidores e os brasileiros ganharam a maioria das seis baterias disputadas, mas também teve vitória da Austrália, dos Estados Unidos e do Peru no segundo dia em Ex-Isla Alacrán. Os destaques da terça-feira foram o brasileiro Marcos Correa, o australiano Dean Bowen e o argentino Juan Arca, que fizeram os recordes da etapa mais antiga do calendário 2016 da WSL South America.

CABEÇAS DE CHAVE

Na quarta-feira, os principais concorrentes ao título do QS 1500 Maui and Sons Arica Pro Tour vão estrear nos tubos de El Gringo. A apresentação dos cabeças de chave, surfistas mais bem ranqueados na World Surf League, já vai começar com o líder do ranking sul-americano da WSL South America, Leandro Usuna, disputando as duas primeiras vagas para a rodada classificatória para as quartas de final.

Os adversários do argentino serão o atual campeão mundial Pro Junior da WSL, Lucas Silveira, do Brasil, o chileno Danilo Cerda e o peruano Sebastian Correa. Também nessa segunda fase, entram os principais surfistas do Chile, para tentar apagar a má participação dos donos da casa na rodada inicial. Campeão do Maui and Sons Arica Pro Tour em 2011, Guillermo Satt vai estrear na sexta bateria com mais dois chilenos, Nicolas Vargas e Renato Aguirre, além do norte-americano Myles Laine-Toner.

O QS 1500 Maui and Sons Arica Pro Tour é a terceira etapa do WSL Qualifying Series realizada na América do Sul esse ano. A vitória no verdadeiro desafio numa das melhores e mais perigosas ondas do mundo vale um prêmio de 10.000 dólares, 1.500 pontos para o ranking mundial e 1.000 para o sul-americano da WSL South America. A primeira chamada da quarta-feira foi marcada para as 7h30 no Chile e a competição está sendo transmitida ao vivo pelo www.worldsurfleague.com


PRIMEIRA FASE

1.a: 1-Lucas Silveira (BRA) .83, 2-Francisco Usuna (ARG)9.83, 3-Sebastian Oliva (CHL)0.00
2.a: 1-João Chianca (BRA)8.27, 2-Sebastian Correa (PER)6.03, 3-Gabriel Villaran (PER)5.40, 4-Alejandro Diaz (CHL)1.37
3.a: 1-Cristiano Bins (BRA) .17, 2-Nate Dorman (EUA)3.93, 3-Christopher Herold (CHL)3.50, 4-Jean Pierre Quiroz (PER)2.13
4.a: 1-Dean Bowen (AUS) .40, 2-Juan Arca (ARG) .00, 3-Adrian Garcia (PER)7.37
5.a: 1-Joaquin Del Castillo (PER) .80, 2-Renato Aguirre (CHL)6.27, 3-Julian Iturralde (ARG)3.14
6.a: 1-Myles Laine-Toner (EUA)7.67, 2-Alvaro Malpartida (PER)6.37, 3-Erik Bustos (CHL)1.80
7.a: 1-Yage Araujo (BRA)9.73, 2-Pedro Neves (BRA)-6.53, 3-Michael Dias (BRA)1.74
8.a: 1-Marcos Correa (BRA) .73, 2-William Aliotti (FRA) 8.44, 3-Camilo Hernandez (CHL)5.87

SEGUNDA FASE

1.a: Leandro Usuna (ARG), Danilo Cerda (CHL), Lucas Silveira (BRA), Sebastian Correa (PER)
2.a: Samuel Igo (BRA), Lucas Chianca (BRA), João Chianca (BRA), Francisco Usuna (ARG)
3.a: Max Longhurst (AUS), Tomas Tudela (PER), Cristiano Bins (BRA), Juan Arca (ARG)
4.a: Manuel Selman (CHL), Nahuel Amalfitano (ARG), Dean Bowen (AUS), Nate Dorman (EUA)
5.a: Flavio Nakagima (BRA), Leonardo Acevedo (CHL), Joaquin Del Castillo (PER), Alvaro Malpartida (PER)
6.a: Guillermo Satt (CHL), Nicolas Vargas (CHL), Myles Laine-Toner (EUA), Renato Aguirre (CHL)
7.a: Cristobal De Col (PER), Jeronimo Vargas (BRA), Yage Araujo (BRA), William Aliotti (FRA)
8.a: Alonso Correa (PER), Martin Jeri (PER), Marcos Correa (BRA), Pedro Neves (BRA)

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões